Vitória Cordeiro

MINHA ESQUIZOFRENIA

Vitória Cordeiro tem 21 anos, é técnica de enfermagem,  cursando o 5ª período da graduação de enfermagem, fundadora CCEPSMI - Corporação Científica de Estudos e Pesquisas Materno Infantil (ainda é um projeto novo) mãe do Arthurzinho, e nas horas livres desata a registrar alguns rascunhos com o lápis, e se ficam bons até se arrisca a postá-los no feed do seu instagram

Minha esquizofrenia é de touro com 

Ascendente em sagitário e lua em 

Virgem, carrega o samba na ponta 

Do calcanhar e a alma é de pagodeiro.

 

Minha esquizofrenia tem espírito

De lutador, esse Deus da Guerra

É forte, as grandes batalhas nem

Começaram, mas ele já é o vencedor.

 

Minha esquizofrenia tem a seriedade

No olhar, mas o holocausto é interno,

A cara é de bandido, mas o coração é 

De mocinho.

 

Minha esquizofrenia tem o sabor do 

Café que eu recusei na faculdade, da 

Torta de frango da vó Regina em dia de 

Domingo, do arroz com empanado de 

Mãe, do último almoço na casa da tia 

Rejane, e do meu macarrão puro alho.

 

Minha esquizofrenia tem cor, e é o castanho

Dos olhos do Rei, que levei na barriga e hoje 

Carrego no colo, minha esquizofrenia tem nome, 

E é Juan, tem cheiro, e puta que pariu é Malbec.